Dores nas costas: 5 dicas para aliviar

As dores nas costas são um incômodo muito comum e podem ocorrer por vários motivos: devido à postura inadequada no trabalho ou ao volante, causada por uma série de exercícios mais pesados na academia ou, até mesmo, por um reflexo de problemas nos rins.

Por isso, confira o post de hoje para entender as causas das dores nas costas e aprenda 5 dicas para aliviar os sintomas.

Entenda as causas das dores nas costas

Uma vez que a principal causa é a postura inadequada, as dores nas costas são um problema de saúde bastante comum, comprometendo a saúde e a qualidade de vida e levando muitas pessoas a procurar ajuda médica.

Quando dormimos com travesseiros ou colchões ruins, passamos horas trabalhando (em frente ao computador ou de pé) sem os devidos procedimentos ergonômicos ou quando descuidamos da postura enquanto dirigimos, nossa coluna não demora a reclamar.

A dor aparece, muitas vezes, acompanhada de tensão muscular ou de sensação de fraqueza nos braços e nas pernas.

Os erros posturais durante a execução dos exercícios na academia de ginástica são outra causa frequente de dores nas costas. Por outro lado, o sedentarismo e a obesidade também são responsáveis pelos problemas na coluna.

Durante a gravidez, especialmente no período final da gestação, é possível que a mulher sinta alguma dor ou pressão na coluna e tenha dificuldade para encontrar uma posição confortável para dormir.

Quando originado dessas intercorrências, o quadro de dores nas costas costuma responder bem ao tratamento indicado pelo médico e desaparece em algumas semanas.

Veja, agora, o que você pode fazer para combater a dor e os outros sintomas dos problemas de coluna.

Aprenda a aliviar as dores nas costas

Com alguns cuidados simples e seguindo as orientações dos especialistas, você pode combater o problema e ficar livre das dores nas costas. Confira:

1. Use compressas mornas

As compressas mornas são muito eficazes para aliviar a dor e promover relaxamento local, sobretudo quando os incômodos são de origem muscular — devidos à postura incorreta ou causados por algum exagero na malhação, por exemplo.

Aplique a compressa pelo menos três vezes ao dia, durante um intervalo de 20 minutos. Para evitar queimaduras, proteja a pele com uma toalha e evite aquecer a compressa em excesso.

2. Faça repouso

Para que o repouso seja mais efetivo no alívio dos sintomas, opte por um colchão mais duro ou, até mesmo, utilize um colchonete fino e permaneça deitado ao menos por meia hora todos os dias.

3. Invista em sessões de massagem

As sessões de massagem relaxante são bastante indicadas para combater a dor e corrigir as disfunções musculares, tais como tensão ou rigidez.

Quando associada a substâncias homeopáticas, como cremes de arnica e cânfora, por exemplo, a massagem promove um maior alívio dos sintomas.

4. Pratique pilates

O pilates é uma técnica que fortalece a musculatura das costas e do abdômen, promovendo a adequação postural e combatendo a dor.

É importante procurar profissionais qualificados e seguir todas as recomendações para dar continuidade ao tratamento ao longo do dia.

5. Procure orientação médica

Ainda que todas as dicas acima sejam bastante eficazes e ajudem a aliviar a dor e o desconforto causados pelas disfunções na coluna, é fundamental que você procure orientação médica.

É preciso atenção, sobretudo, se a dor piorar com o tempo, se você sente formigamento nos braços e pernas ou se tem dificuldade para realizar as atividades diárias.

Além de identificar as causas e avaliar a extensão do problema, o médico – seja um ortopedista ou um neurologista – fará a prescrição medicamentosa e acompanhará a evolução do quadro, recomendando outras terapias ou, até mesmo, a intervenção cirúrgica, quando necessário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *